Domingo, 26 de Outubro de 2008

 

Depois de encerrar "Um Lugar Perdido", aqui estou eu com estas palavras des(encantadas). Pois é...este é o meu recomeço. A razão deste recomeço? Eu própria ignoro.

 

Talvez este seja mais um recomeço, como tantos outros...A vida é mesmo assim, por vezes é preciso uma mudança, apagar tudo e recomeçar. É tão simples! Na verdade, não é assim tão simples apagar os momentos, os pensamentos, os sentimentos, as palavras, os risos, as lágrimas, enfim...as emoções que nos vão construindo ao longo desta caminhada. Sim, na realidade isto não é uma tarefa assim tão simples e, talvez, nada aconselhável. Todas as nossas memórias nos fazem falta, as boas e as más. As más para nos mostrarem como fomos fortes e ultrapassámos o que parecia impossível; as boas para nos mostrarem que já fomos felizes e por isso, somos capazes de voltar a sê-lo. Por outras palavras, as memórias ensinam-nos que não podemos apagar nem mudar o passado, mas podemos aprender com ele e por isso não cometer os mesmos erros. Portanto...são essas memórias que nos permitem recomeçar, mais sábios e mais fortes.

 

No caso da vida, a questão é até bastante complexa, mas no caso de um recomeço blogueiro, apagar o passado (literalmente) consiste mesmo num gesto simples: um toque leve no botão esquerdo do rato e já está. É então hora de recomeçar...E porque recomeçar e não continuar o que estava começado, perguntam vocês, não é? Não sei bem, mas acho que é porque já não me identificava com aquele antigo "Lugar Perdido", já não era eu, já não me via nos meus escritos. Mas verdade seja dita, alguns textos e, principalmente comentários, conseguem quase que me trazer um pouco de arrependimento por os ter extinto definitivamente, mas de repente lembro-me deste recomeço....destas palavras (des)encantadas que vos deixo.

 

É verdade, há palavras que nos encantam e palavras que nos desencantam, há palavras que encantam uns e que desencantam outros, há até palavras que nem encantam nem desencantam porque simplesmente não nos dizem nada ou até mesmo porque não as percebemos. Seja qual for o encantamento ou desencantamento que as minhas palavras possam suscitar, elas aqui ficam...não para vos (des)encantar, mas para sentir que ao escrevê-las me liberto de coisas que sinto, penso, vivo, imagino, sonho, invento...

 

Ficaram então as minhas primeiras palavras. (Des)encantem-se!!!


sinto-me com vontade de recomeçar
tags:

palavras de (Des) Encantada com a vida às 23:40 | | deixa a tua palavra

1 comentário:
De Célia a 4 de Dezembro de 2008 às 19:02
Bem, encantada ou desencantada as tuas palavras são profundas. Fico feliz por ver em ti novamente vontade de escrever e por nos proporcionares maiores encontros(virtuais) sobre a tua vida e os teus desvaneios. Uma Beijoka assim e continua tal e qual como és.

Célia


Comentar post

mais sobre mim
Palavras Famosas - Citação do Dia
NÓS SOMOS DO TECIDO QUE SÃO FEITOS OS SONHOS." (William Shakespeare)
Palavras Bíblicas - Versículo do Dia
"O AMOR É SOFREDOR, É BENIGNO; O AMOR NÃO É INVEJOSO; O AMOR NÃO TRATA COM LEVIENDADE, NÃO SE ENSOBERBECE." (1 CORÍNTIOS 13:4)
Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


palavras recentes

A amizade é...

A vida é uma constante ap...

"Estranha" Amizade!!!

A vida é tão efémera...

O que fazer com este boca...

Onde estão os pontos fina...

Preciso de tempo!!!

Natal...

PORQUÊ?

A melhor canção de amor

palavras passadas

Dezembro 2009

Junho 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Links
subscrever feeds